quinta-feira, 23 de agosto de 2018

STEAM: Nova atualização permite que jogos de WINDOWS rodem no LINUX


   A Valve busca fornecer uma compatibilidade entre o Windows e Linux. A Steam Play foi introduzida em 2010 para permitir que os clientes que compram jogos do Windows possam possuí-los no Mac e no Linux, desde que essas versões compativeis existam.

   Esse recurso agora está sendo expandido para permitir que os usuários do Linux executem jogos nativos do Windows em sua plataforma, sem a necessidade de uma porta oficial do Linux. A Valve já havia trabalhado na integração do Wine, uma ferramenta de compatibilidade popular, no Steam.

   A versão beta do Steam Play de hoje representa o próximo passo nos esforços da empresa para uma maneira mais simplificada de executar jogos do Windows no Linux. A Valve está chamando de Proton a sua versão modificada do Wine. Isso permite que jogos sejam executados diretamente no equipamento do cliente Steam sem a necessidade de software externo.

Veja Também:
   Os jogos suportam o Steamworks e emulam o DirectX 11 e 12 através do Vulkan. Isso não apenas possibilita a transição, mas também aumenta o desempenho e a compatibilidade do que o Wine normalmente oferece.

   Outros benefícios incluem suporte aprimorado ao controlador, suporte aprimorado para tela cheia e melhor utilização dos threads das CPUs em jogos que possuem tarefas multi-threaded.

   A Valve está atualmente testando todo o catálogo Steam para compatibilidade, e esta versão beta já inclui vários grandes nomes como Doom 2016, Tekken 7, Nier: Automata e até mesmo jogos de realidade virtual como Google Earth VR e Doom VFR.

   Os jogos da lista exibirão uma notificação para permitir que os usuários saibam que podem rodar no Linux, e a Valve expandirá a lista à medida que mais jogos forem testados. Você pode conferir a lista completa e descobrir como se envolver em testes no Steam.